Célula de Hardware: Organização,regras internas e II Seminário do Curso de Ciência da Computação da UFFS.

Dando uma pausa nas postagens sobre o nosso projeto do fliperama, hoje vou escrever um pouco sobre o conjunto de regras que estamos implantando internamente na célula de hardware.

Como já foi citado uma vez, a célula de hardware da FronteiraTec foi fundada por um grupo de colegas do mesmo período da universidade. Buscávamos algum projeto em que tivéssemos a oportunidade de trabalhar juntos, produzir algo e colocar nosso conhecimento em prática, buscando algum tipo de inovação tecnológica com funcionamento prático e também a oportunidade de aprender algo novo. Nesse sentido, a oportunidade de fazer parte da empresa júnior de Ciência da Computação da UFFS caiu como uma luva em nossos planos.

O coleguismo nos permitiu dar início aos trabalhos dentro da célula de forma mais rápida e abrangente. Todos querem colaborar e trabalhar em algo legal. Porém, não podemos nos esquecer uma vez fazendo parte da FronteiraTec, assim como em qualquer outra empresa, temos regras a respeitar e na falta de regras bem definidas temos de criar as nossas próprias regras, visando organizar o máximo possível o funcionamento, relacionamento e empenho de cada membro. Com estas regras, pretendemos maximizar a participação de cada membro, seja nos trabalhos que desenvolvemos como também nas postagens aqui no blog.

O conjunto de regras em que estamos trabalhando, prevê não somente obrigações de cada membro, mas também questões como relação de folgas e também um regulamento prévio de contratação para a empresa. Sabemos que nada dura para sempre e em algum momento precisaremos contratar novos membros, seja por necessidade de contingente ou mesmo para algum projeto específico, que necessite de alguém com um conhecimento especial. Definiremos também, baseados neste primeiro projeto, o gerente ou gerentes de projeto para que tenhamos certeza de que cada equipe dentro da célula de hardware está trabalhando sem perder o foco.

Resolvemos obter um livro ata, onde ficarão registradas as nossas reuniões, tudo o que for visto e trabalhado, faltas, presenças, folgas e propostas de estudo dentro ou fora dos projetos. Isso nos permitirá controlar melhor tudo aquilo que mais prezamos e temos necessidade, que são as presenças, postagens além é claro, de nos manter focados e sempre buscando por algo novo a cada reunião.

Até que tenhamos de seguir um conjunto de regras maior, que deverá estar descrito no estatuto da empresa, essas pequenas regras vão nos auxiliar a manter o foco no trabalho, já que tudo que temos é o interesse de cada um dos membros para executar determinadas tarefas.

Abaixo segue a primeira proposta de modelo de ata, criada pelos membros Laurivan, Ricardo, Rogério e eu, Felipe. Suprimindo por hora as formalidades a ata deverá conter principalmente:

Ao início da reunião:

-Lista de presença, folgas e faltas.

-Previsão de assuntos em pauta para a reunião do dia (aqui se encaixam os tópicos que deveremos trabalhar naquela reunião).

    -Definição das metas do encontro, baseadas nos assuntos a serem tratados.

    -Divisão de tarefas, que de acordo com o número de membros atual, deverá ser de no mínimo três itens, para que se permaneça a formação de 3 trios.

-Divisão e relação de equipes que serão formadas para trabalhar em cada tarefa.

Ao final da reunião:

-Relação das atividades realizadas no encontro. 

    -Relação e registro de atividades cumpridas ou não por cada equipe.

    -Baseado no que foi trabalhado e nas metas atingidas no encontro, será feita a previsão dos temas das postagens para a semana seguinte. Estas deverão ser publicadas antes do próximo encontro.

-Relação de tópicos a serem estudados e trabalhados para o próximo encontro.

-Assinatura de todos os membros presentes.

Esta é uma relação de ações que julgamos serem necessárias para o momento. Fora isto, o livro ata vai conter em suas primeiras páginas o conjunto de regras que estamos elaborando para o funcionamento geral da célula. Dentre estas regras estarão presentes alguns tópicos como:

-Definição dos membros da célula, divididos por equipe, que serão responsáveis pelo preenchimento da ata a cada encontro, denominados assim secretários.

-Definição do calendário de folgas e cronograma de postagens aqui no blog.

-Definição da quantidade máxima de faltas.

Desta maneira, estamos aprendendo a nos organizar, pois todos sabemos que nem só de projetos  e execução de trabalho sobrevive uma empresa. É preciso ter responsabilidade e comprometimento com tudo o que assumimos, cumprindo e respeitando regras.

II Seminário de CC da UFFS!

O tempo passa muito rápido! Parece que foi ontem que nós da célula de hardware estávamos presentes no primeiro seminário do curso, e naquela época nem passava pela nossa cabeça formar o grupo que formamos hoje!

Nos foi oferecida a oportunidade participar ativamente do seminário, com um tech talk sobre o segmento em que estamos trabalhando, que é o hardware.

Nossa apresentação será baseada em uma das plataformas livres que estamos utilizando em nosso projeto do fliperama, que é o Arduino. Vamos falar um pouco das origens da plataforma, linguagens utilizadas para a programação e também faremos uma apresentação prática durante o seminário, para que todos os presentes possam entender o básico do seu funcionamento!

É claro, vamos apresentar também a aplicação muito útil que encontramos para o Arduino em nosso projeto do fliperama.

Então, por hora era isso! Nos vemos no dia 24/07 no auditório do Seminário!

 

Comments Are Closed